Amigos: Criatividade, Alegria e Prazer

By | 13:59:00 3 comentários
(...) O passado revivido com os amigos é belíssimo porque é rico em detalhes. Quando não somos capazes de reconstruir o panorama geral de um lugar em que estivemos com eles, nossa mente nos compensa revelando detalhes que sequer pensávamos ter percebido (...)

Marcia Terezinha e Lúcio Lampert, na foto, até parecem irmãos: Amigos dentro e fora da corrida.






Amigos: Criatividade, Alegria e Prazer


Amigos!

Ei, Amigo!... Vai fazer seis anos que eu te chamo dessa forma... Arrumo esse blog como quem arruma a própria casa em dia de visita e te convido para entrar:

- Pode ficar tranquilo, o cachorro não morde... - falo sorrindo - Senta aí, na poltrona, fica à vontade!... Aceita beber alguma coisa, um vinhozinho, cerveja... Água gelada?... Que bom que você está aqui!... Que bom ser seu amigo!

Amigo é Prazer

O tempo passa voando quando eu lhe conto minhas histórias. Geralmente não há nada demais além de um simples treino ou de uma corrida... São os detalhes do texto que farão diferença, revelando as belezas que você já viveu e as alegrias que já sentiu. É essa identidade que despertará o prazer, ao revelar o motivo oculto da sua felicidade.

Vou dar um exemplo: Na postagem "Adeus Ano Velho", de maio de 2010, minha amiga Bruna Zolini fez o seguinte comentário:

- Bira, adoro seu blog (...) Queria muito conseguir traduzir em palavras os meus sentimentos na corrida de forma tão bela, como você faz... 

Quando a corredora disse: "traduzir em palavras meus sentimentos", quis dizer: "...minha alegria". Quando disse: "...de forma tão bela", quis dizer: "com os detalhes não revelados, os motivos ocultos".

A mesma Bruna que em 2010 pensava não saber "traduzir em palavras" seus sentimentos, após completar a Corrida da Ponte, este ano, escreveu o belo relato a seguir:

" (...) Nos últimos metros, não estava mais correndo: estava flutuando, dançando nas pistas, como uma (ex) bailarina. Não ouvi música das caixas de som e ninguém falando ao microfone, pois uma valsa linda estava tocando dentro de mim. Eu era uma debutante em dia de gala (...)"


A ex-bailarina Bruna "flutuando" a poucos metros da chegada na Corrida da Ponte: Retorno de Lesão.


Amigos são Criativos

Bastou que minha amiga mergulhasse nos seus próprios sentimentos para revelar, naquele texto, uma beleza bem maior que o cenário de chegada da corrida... Eis a criatividade! Dependerá dela dar sequência ao exercício poético, daqui por diante. Descrever desta forma é como revelar um filme fotográfico, ou seja: Imaginemos a Bruna cruzando a linha de chegada... Suor e lágrimas se confundem, soluços e ofegância também. Não saberíamos dizer até que ponto ela está emocionada ou simplesmente cansada. Quando ela expõe os detalhes de seus sentimentos, no entanto, outra realidade constrói um cenário muito mais encantador... Eis a criatividade nos detalhes ocultos!... Nossos amigos são criativos porque constroem novos cenários. 


Mês do Amigo

Porque chegamos ao Mês do Amigo, propus à maratonista Marcia Baroni (foto 1) que descrevesse um amigo corredor. Ela enviou o seguinte texto:

- Eu encontrei um grande corredor e amigo há quatro anos atrás: Lúcio Lampert. Minha admiração por ele vem, principalmente, pela sua generosidade. Lúcio voa nas pistas, nas provas com maravilhosos tempos... No entanto, acorda sorridente às 5 h da manhã, várias vezes, para treinar comigo num "pace" bem mais lento que o dele!! Me deu força nos primeiros longões, correndo ao meu lado, incentivando-me a todo momento... Bem, eu não corro tão rápido assim e ele me fez ter confiança para correr na rua, sem medo... Várias vezes, em percursos com subidas, ele foi à frente e voltou para resgatar a mim e outros amigos mais lentos, sempre nos incentivando para ir em frente. Sua paixão pela corrida de rua e simplicidade encanta muita gente. Eu aprendi o quanto a disciplina é importante na corrida de rua com Lúcio. Meu amigo, fora da corrida é especial, alegre e divertido. Tem grande senso de humor e, principalmente, um coração bondoso que está sempre disponível a ajudar o próximo. 



Amigos são Divertidos

A simples presença ou mera lembrança de um amigo nos diverte. Brilham os olhos e o coração dá saltos de alegria e prazer. Quando um amigo se ausenta, nosso corpo se aquieta e a mente flui, além do tempo, resgatando os momentos simples, mas incrivelmente belos. O passado revivido com os amigos é belíssimo porque é rico em detalhes. Quando não somos capazes de reconstruir o panorama geral de um lugar em que estivemos com eles, nossa mente nos compensa revelando detalhes que sequer pensávamos ter percebido. O detalhe de um gesto, de uma expressão, uma frases ou olhar. Os detalhes em forma de cheiros, melodias, cores e abraços. Sentimos saudade das suas piadas e de seus argumentos que, antes, estávamos cansados de ouvir, porque agora "ouvimos" os detalhes!

No dia 20 de julho aproveite: É Dia do Amigo!

Abraços!
Bira. 

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

3 comentários:

Sidnei Barbosa disse...

Bira, muito bom o Blog com o assunto do amigo. Desde seu relato nos convidando a entrar na "sua" casa, passando pela Bailarina flutuando na chegada da Ponte e ao amor de amigo da grande Márcia Therezinha e Lúcio Lampert, figurinhas carimbadas nas grandes provas do Rio de Janeiro e Brasil.

Especial edição e assunto, você se superou, de novo!!

Bons treinos, boas partidas, ótimas chegadas!!!

Bruna Zolini disse...

Olá poeta!
Como sempre, você surpreendeu com suas palavras. Estou engatinhando ainda neste mundo dos textos, mas pode deixar que estou dando sequência ao exercício poético e confesso que seu blog me inspira para isso.
Tentei também expressar meus sentimentos na Maratona do Rio:
http://oglobo.globo.com/blogs/pulso/posts/2013/07/09/maratona-do-rio-relato-de-bruna-zolini-502921.asp
bjs

Unknown disse...

Gostei!!!
Já te sigo!
Abraço!
http://tengasuperacion.blogspot.com.br